folder Categoria(s) Cinema
Battle: Los Angeles - poster e video viral
Assesoria comment Comentários access_time 2 minutos

Procedimento padrão que Agências e seu pessoal de Marketing coloque “na rua” um ou outro video viral no Youtube. Não funciona tão bem como antes mas, pessoalmente, acho sempre um esforço louvável e simpático que colabora com a construção do imaginário do filme.

“Battle: Los Angeles” se fia na quantidade inexplicável de avistamentos de Objetos Voadores Não Identificados e na condição humana de assumir que OVNIs são Discos Voadores e não somente objetos que estão voando e que ninguém identificou o que sejam.

Viral Video – França

Viral Video – Austrália

Viral Video – Field

Viral Video – Field

Na realidade do filme, não só OVNIs são Discos Voadores mas eles cansaram de ser observadores passivos e, depois de décadas, talvez séculos de missões de reconhecimento finalmente resolveram agir.

Enquanto as maiores cidades do mundo caem, Los Angeles se torna a capital de uma resistência não planejada diante de uma batalha inesperada, liderada pelo sargento Michael Nantz (Aaron Eckhart) dos Fuzileiros e seu pelotão.

Por mais inusitado que possa parecer o filme se baseia em uma história real, passada nos dias 24 e 25 de Fevereiro de 1942, em meio a Segunda Guerra Mundial, quando uma aeronave não identificada foi supostamente detectada sobre o espaço aéreo de Los Angeles. A suspeita de se tratar de uma aeronave japonesa fez com que as autoridades comandassem um blackout e cerca de 1500 salvas anti-aéreas foram disparadas em direção ao nada.

Sem evidência residual alguma o incidente foi arquivado como alarme falso e declarado até os dias de hoje como tendo sido resultado de histeria de guerra diante de balões meteorológicos cuja aparência alcançou proporções dramáticas graças aos reflexos de sinalizadores das baterias anti-aéreas.

Interessante iniciativa, o filme baseou a estética dos Discos Voadores apresentados em um antigo vídeo de um suposto avistamento no Haiti – que posteriormente foi apontado como sendo forjado.

O filme será lançado a 3 de Novembro de 2011 – ou 0311 – uma homenagem à Infantaria dos Fuzileiros Navais norte-americanos, cujo código é 0311.

aaron eckhart nantz não uma video field